Coruripe empata em 0x0 com o Sampaio Corrêa no Maranhão

Coruripe arranca empate no Maranhão (Foto: Reprodução)
Jogo difícil e com raras oportunidades para as duas equipes. O Coruripe aplicou a marcação forte e o Sampaio não conseguiu fazer o gol na partida realizada na noite desta sexta-feira, no Castelão, pela terceira rodada da Copa do Nordeste.
Com o resultado, o Sampaio chegou aos 5 pontos e reassumiu a liderança isolada do Grupo B. O Coruripe ficou com 3 pontos e está na terceira colocação. Os times voltam a jogar no dia 4 de março, desta vez no Estádio Gérson Amaral, em Alagoas. 
Primeiro tempo foi dominado pelo Sampaio no quesito posse de bola, mas as chances de gol foram iguais para ambos os lados. O jogo ficou muito concentrado no meio-campo e o congestionamento de jogadores impediu as jogadas mais trabalhadas.
Aos 13 minutos o lance de mais perigo do time visitante. O lateral Denilson arriscou chute forte de fora da área e Dida fez primeira defesa. Na sequência, Casagrande chutou cruzado e passou perto do gol do Sampaio.
O Tricolor chegou com mais perigo aos 19 minutos com Raí em um chute forte de fora da área que fez o goleiro Carlos se complicar.
As jogadas se revezavam, mas nenhuma resultou em gol. Um lance mais polêmico foi quando Willames José teve a bola batendo em sua mão dentro da área, mas a arbitragem mandou o jogo seguir. 
No segundo tempo, o time que mais teve a posse de bola foi o Coruripe. O time de Alagoas criou mais e foi mais perigoso. O Sampaio só começou a se soltar depois dos 15 minutos com jogadas protagonizadas por Edgar.
Com a mudança tática no Tricolor, Raí passou a ser o lateral pela esquerda e Cleitinho começou a chegar mais perto do gol do Coruripe, tanto que aos 17 minutos, o jogador de meio chutou de fora da área e a bola passou a direita do gol de Carlos.
Boas jogadas de novo foram no fim do jogo. Aos 40 minutos Carlos salvou o Coruripe após chute de Edvânio, que aproveitou cobrança de Arlindo Maracanã. Aos 46, Raí cobrou falta e Carlos faz excelente defesa no canto superior direito. Já no fim do jogo, aos 47 minutos, Edgar passou por três e caiu na entrada da grande área. Árbitro considerou simulação e aplicou segundo cartão amarelo e foi expulso.

FONTE: GLOBO ESPORTE

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.