GRANDES JOGOS: Coruripe 2x1 Porto-PE



Image and video hosting by TinyPic


No último jogo da segunda fase da Série C do Brasileiro, o Coruripe entrou em campo para enfrentar o Porto-PE classificado, mas com a responsabilidade de vencer e ficar com o primeiro lugar do grupo 20 com 13 pontos ganhos. O Hulk jogou melhor e atingiu o objetivo vencendo o visitante por 2 a 1.

O JOGO
A primeira oportunidade de gol na partida foi do Coruripe. Aos três minutos, Caio chuta forte na grande área, mas o goleiro Marquinho segura. Aos onze minutos, Nilson Sergipano invade a área pelo lado direito e tem o chute bloqueado pelo goleiro do Porto. Na sequência, o Porto reage e ataca com uma boa jogada de Mácio que chuta para a bola par alinha de fundo.
Aos 21 minutos, o Coruripe tem uma boa chance detro da pequena área. Alexsandro tenta, mas o goleiro defende, no rebote, Caio chuta e Marquinho faz mais uma boa defesa. Quatro minutos depois, o zagueiro do Porto coloca a mão na bola dentro da área. Nilson Sergipano cobra o pênalti e perde, Marquinho defende o chute rasteiro no canto esquerdo. O primeiro gol do coruripe sai de uma jogada no meio campo aos 36 minutos. Audálio recebe de Fernandinho, toca para trás e Fábio Costa chuta forte para marcar. Coruripe 1, Porto 0.
Aos 46 minutos o Porto empata. Juninho faz bela joga e chuta na trave. Na volta, pierre chuta e a bola ainda bate no zagueiro Selmo Lima antes de entrar.

No segundo tempo, o Coruripe continuou superior ao Porto e teve muitas chances de gols. O de desempate saiu já aos 3 minutos. Nilson Sergipano recebe cruzamento rasteiro de Mauro César, dá um toque com efeio na bola, enganando o goleiro, e marca um golaço. Coruripe 2 x 1 Porto.
Aos dez minutos, o Hulk despediça um bela jogada armada por Caio desde o meio do campo. Ele avança e deixaa bola com Nilson Sergipano, que deixa para Fabio Costa chutar fraco para a defesa de Marquinho. Dois minutos depois, Téo chuta forte do lado esuerdo e o goleiro Santos faz boa defesa.
Aos 20 minutos, o Porto tem uma boa chance com Téo cobrando falta forte e rasteira da intermediária. Santos se estica para tocar na bola e colocá-la para fora. Aos 30 minutos, foi a fez de Nilson Sergipano cobrar falta com um chute forte e levar perigo ao gol de Marquinho. Na sequência, Audálio cribla o marcador na marca do escanteio e cruza para o zagueiro Leandro, sozinho, colocar para fora. Palcar final: Coruripe 2 x 1 Porto-PE.

CORURIPE 2x1 PORTO-PE
Estádio Gerson Amaral
02/09/07 - 16h00
Árbitro: Aristeu das Merces Ramos - BA

CORURIPE
Santos, Fernandinho, Leandro, Selmo Lima e Renatinho; Audálio, Geninho (Jânio), Caio e Fabio Costa; Nilson Sergipano e Alexsando (Mauro César).
Técnico: Carlos Rabelo

PORTO- PE
Marquinho, Cosmo, Anderson, Romero, Arlindo (Marlos); Rômulo, Rodolfo, Juninho, Márcio; Pierre (Ewerton), Teo.
Técnico: Edmilson Santos.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.